VEJA NOSSOS ÁLBUNS DE FOTOS NO NOSSO FACEBOOK: facebook.com/gruporenascercamocim

sábado, 19 de fevereiro de 2011

Estamos de aniversário: 44 anos de um novo Pentecostes!

Estados Unidos, 1967. Um retiro realizado na Universidade de Duquesne, instituição católica localizada no estado da Pensilvânia, foi o local escolhido por Deus para que um derramamento especial da sua graça acontecesse.
Naqueles dias, de 17 a 19 de fevereiro, um grupo de estudantes teve uma experiência diferente com Jesus: oraram em línguas estranhas, proclamaram louvores e profecias, tiveram um vivificamento espiritual. Viveram o Batismo no Espírito Santo.
O momento ocorrido em Duquesne espalhou-se, pouco a pouco, pelo mundo. Em diversas partes do globo, a experiência se repetia com diversas pessoas, que, com ardor missionário, traziam mais e mais pessoas para que partilhar dessa graça.
2011. Comemoramos 44 anos deste momento vivido pelos estudantes americanos como Renovação Carismática Católica, um Movimento eclesial  dinâmico, vigoroso e cada vez mais maduro. Um Movimento  abençoado como nos mostra o vídeo abaixo no qual João Paulo II  expressa o desejo de que tenhamos uma "longa vida":

Evangelizar não seria “desrespeitar” a liberdade religiosa das pessoas?

Evangelizar não é violentar a liberdade religiosa, porque não nasce de uma imposição à consciência, mas do anúncio respeitoso da verdade, afirmou o Papa Bento XVI a um grupo de bispos brasileiros.
Em seu discurso aos prelados dos Regionais Norte 1 e Noroeste da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), que se encontram em Roma para a visita ad limina apostolorum, o Papa falou da importância do chamado à evangelização.
Primeiramente, quis esclarecer que a evangelização não deve ser entendida como uma imposição e que a crença de que evangelizar não é necessária é um equívoco.
“Deus pode realizar esta salvação por vias extraordinárias que somente Ele conhece. Entretanto, se o seu Filho veio, foi precisamente para nos revelar, pela sua palavra e pela sua vida, os caminhos ordinários da salvação; e Ele mandou-nos transmitir aos outros essa revelação, com a sua própria autoridade.”

A Beleza! Você sabe qual a sua relação com Deus?


Por Rodolfo Papa*
Na constituição da Sagrada Liturgia, do Concílio Vaticano II, Sacrosantum Concilium, está escrito que as obras de arte sacra “tendem, por natureza, a exprimir de algum modo, nas obras saídas das mãos do homem, a infinita beleza de Deus, e estarão mais orientadas para o louvor e glória de Deus se não tiverem outro fim senão o de conduzir piamente e o mais eficazmente possível, através das suas obras, o espírito do homem até Deus” (n.122).
As obras de arte religiosa e sagrada devem, portanto, expressar a beleza divina, a beleza infinita de Deus, com a qual têm uma relação natural, que é característica de sua natureza. Através das expressões da beleza, e como elas são orientadas à Beleza infinita, pode-se explicar o seu “único” fim de dirigir “religiosamente” as almas a Deus.
Mas o que é beleza?
A tradição – mas mesmo antes desta, existe em sua base uma autêntica reflexão sobre o que consta na experiência comum – vincula a beleza a uma experiência dos sentidos que vai além deles.
Já na especulação platônica, a beleza é descrita em sua complexidade de realidade ideal visível através dos olhos. No Fedro, podemos ler: “Quanto à Beleza – conforme já disse – ela sobressaía entre todas as ideias puras a que nos referimos. Depois que viemos para esta existência, é ainda ela que ofusca todas as coisas com o seu brilho, pois a visão é de fato o mais sutil dos nossos sentidos, embora não possa aperceber-se da Sabedoria! Que veementes amores não despertaria se nos oferecesse uma visão nítida daquelas imagens que poderíamos ver para além do céu! Somente a Beleza tem a ventura de ser mais perceptível e cativante!”.
A tradição escolástica também analisa a beleza como um prazer que parte do conhecimento sensorial, superando-o depois, como no pensamento de São Tomás, com a famosa frase “Pulchrum est quod visum placet” (Summa Theologiae, I, q. 5, a. 4, ad 1um), que indica que do belo importa a apreensão e, de forma especial, o deleite: o belo é “agradável ao conhecimento” porque exige ser “conhecido” por um ser que tenha alma racional.

sexta-feira, 18 de fevereiro de 2011

Globo e Record reagem à nota da CNBB.


Em resposta à nota da Confederência Nacional os Bispos do Brasil, que condena a realização dos programas do tipo Big Brother Brasil, da Rede Globo, e A Fazenda, da Rede Record, as duas emissoras explicaram-se assim:
Leia nota da Rede Globo:
A Rede Globo é uma emissora laica, com uma visão de cultura e mesmo de comportamento social e moral que não segue preceitos religiosos. Temos tradição de estar, no campo institucional, ao lado da maioria das causas da CNBB. No que nos refere, somos gratos pelo reconhecimento do papel positivo que a televisão aberta e privada desempenha no Brasil e concordamos que cabe aos pais selecionar o que seus filhos devem assistir – como tudo que pode influenciar na formação dos jovens.
O telespectador é o mesmo cidadão-eleitor que, a cada momento, tem plena liberdade de decidir o que é melhor para si e sua família.
Leia nota da Rede Record: A Rede Record considera que a nota da CNBB não faz referência a nenhum dos programas do tipo reality shows produzidos em nossa emissora.
O programa A Fazenda convida os participantes a atividades relacionadas ao Campo e à natureza, promove a vida no Campo, Ídolos procura novos intérpretes, Aprendiz oferece oportunidades de trabalho, Troca de Família relata experiências de convivência de estilos de vida diferentes e Extreme Make Over Social acompanha a construção de creches. Todos são programas que respeitam os participantes e os telespectadores, inclusive, alguns deles, tem classificação indicativa que permite a exibição em qualquer horário do dia.
***
Comentário do Jornalista Reinaldo Azevedo às notas.

Nota da Globo é arrogante e cria falsa oposição entre religiosidade e laicismo.

Huuummm… Tudo certo e nada no lugar.
Começo pelo óbvio porque muitas vezes evidenciado aqui. Sou contra qualquer forma de controle ou censura. No meu mundo ideal, a radiodifusão nem mesmo seria uma concessão, mas haveria impedimentos até técnicos para que pudesse ser assim. Todos sabem a energia com que combati e combato os vigaristas que querem o “controle social da mídia”. Aliás, eles querem é controlar a Globo, o resto é conversa mole.
Mais de uma vez fui acusado pelos petralhas de puxar o saco da emissora. Não! Eu puxo é o saco da Constituição e das liberdades públicas e individuais. Mas a nota da Globo é péssima, pautada por um certo laicismo um tanto beligerante e arrogante.
O texto incide num laicismo obscurantista — e autoritário — ao afirmar que o “outro” é incapaz de compreender “uma visão de cultura e mesmo de comportamento social e moral que não segue preceitos religiosos.” Uma das campanhas institucionais da emissora, que está no ar, chama a atenção para o merchandising social de suas novelas. Logo, acredita-se que ele tenha um papel educativo, que é capaz de influenciar positivamente o comportamento da sociedade.
Uma das boas sacadas do filme “Truman Show”, de Peter Weir, é demonstrar que um reality show obedece a um roteiro. Naquele caso, à diferença do Big Brother, o rapaz ignora que está sendo filmado. Nem por isso, é menos “dirigido”. Nos reality shows que conhecemos, “atores” e “diretores” têm um pacto inicial. Depois começa o jogo sem regras dos roteiristas.
Não estou entre aqueles que entortam o nariz para o Big Brother, acreditando que nada de útil se tira dali. As “personagens” construídas pelos editores do programa — que não são as pessoas — que caem no gosto do público dizem um tanto do Brasil. Com alguma boa-vontade, até a disposição dos frios na geladeira da padaria rende um tratado sociológico. Mas a coisa tem a importância que tem: entretenimento.
Se o merchandising social do bem interfere no comportamento das pessoas, por que seria de se supor que o “do mal” é inócuo? As bebedeiras promovidas pelas festas do BBB não me parecem inadequadas apenas às almas católicas. Se até o cigarro foi banido das novelas, não vejo por que o porre, muitas vezes associado a “personagens” simpáticas, devam ser promovidos nesta “novela da (suposta) vida real”. A razão de ser do BBB é, como diz Pedro Bial, “espiar” e, obviamente, participar por meio do voto — “este sai, aquele fica —, o que, desde logo, atrai a atenção de crianças e adolescentes.
Cumpre aos pais regular o acesso de suas crianças à TV? Sim, eu estou entre os que acreditam nisso, o que não justifica que as emissoras se comportem mais ou menos assim: “Vigiem seus rebentos porque nós estamos por aqui…”. Isso nada tem a ver com religiosidade ou laicismo. Essa contradição, nesse caso, é falsa.
A nota também incide numa tolice ao apelar ao cidadão-eleitor. Livre para votar, ele também é livre, infere-se, para escolher o quer ver ou não na TV. Perfeito! Ocorre que a liberdade do eleitor não torna os políticos e a política imunes à crítica; o mesmo vale para um programa de televisão, certo? Mais: quando os cidadãos-eleitores reagem contra os maus políticos, ninguém lhes diz: “Ah, isso só acontece porque vocês são religiosos”. Cumpre, pois — e o paralelo foi escolhido pela emissora, não por mim — não apelar a esse expediente quando se reage à promoção do mau exemplo na televisão.
Record
Nunca assisti a nenhum programa da TV Record desde que ela foi comprada pelo autoproclamado “bispo” Edir Macedo. No máximo, vi coisas na Internet enviadas pelos leitores. A emissora também divulgou uma nota, a saber:
“A Rede Record considera que a nota da CNBB não faz referência a nenhum dos programas do tipo reality shows produzidos em nossa emissora.
O programa A Fazenda convida os participantes a atividades relacionadas ao Campo e à natureza, promove a vida no Campo, Ídolos procura novos intérpretes, Aprendiz oferece oportunidades de trabalho, Troca de Família relata experiências de convivência de estilos de vida diferentes e Extreme Make Over Social acompanha a construção de creches. Todos são programas que respeitam os participantes e os telespectadores, inclusive, alguns deles, tem classificação indicativa que permite a exibição em qualquer horário do dia.”
Se você conseguiu sobreviver à pontuação, inclusive àquela virgula entre o sujeito e seu verbo — “alguns deles, tem” —, então entendeu que a Record só espanca a língua portuguesa, não os costumes, o que, obviamente, deve ser parcialmente falso…
Por Reinaldo Azevedo

Cristãos japoneses lançam Revista em quadrinhos com o evangelho.



Crianças e adolescentes têm agora uma forma lúdica para conhecer melhor a história de Jesus. O Mangá Messias já teve mais de seis mil exemplares comercializados, dos 20 mil colocados à venda, e conta a vida de Jesus, baseado nos evangelhos de Mateus, Marcos, Lucas e João. É o primeiro de uma série de cinco volumes.
Ainda para este ano está previsto o segundo número chamado Metamorfose, baseado em Atos dos Apóstolos e que narra os acontecimentos após a ressurreição de Cristo.
O Mangá Messias conta com 288 páginas e tem um custo de R$ 33,90. que mostra a história bíblica no estilo dos quadrinhos japoneses, desenhada por artistas baseados em Tóquio.
Segundo Larissa Vaz, gerente de marketing da editora cristã que está lançando a revista no Brasil, o Mangá foi feito originalmente no Japão, depois foi para os EUA e de lá para o Brasil e mais 13 países. Os desenhistas são japoneses cristãos.
Fonte: Agencia Soma

quinta-feira, 17 de fevereiro de 2011

Pílula abortiva do dia seguinte aumenta as enfermidades de transmissão sexual

fonte: Aci Digital
Um recente estudo de investigadores da Universidade de Nottingham (Reino Unido) revela que a pílula abortiva do dia seguinte não só fracassou em diminuir o número de gravidezes adolescentes, mas também está vinculada ao aumento de Doenças sexualmente transmissíveis (ou DSTs) em menores de 16 anos.

Em declarações recolhidas pelo jornal britânico The Daily Telegraph, o professor David Paton, um dos profissionais responsáveis pela investigação, afirmou que "encontramos que a oferta gratuita da pílula do dia seguinte não obteve o efeito desejado de reduzir as gravidezes de adolescentes, mas teve a conseqüência desafortunada de aumentar as infecções de transmissão sexual".

A pílula do dia seguinte foi utilizada pelo governo britânico como parte de sua estratégia contra gravidezes de adolescentes desde 1999.

Em seu estudo chamado "O impacto dos anticoncepcionais de emergência na gravidez de adolescentes e DSTs", os investigadores usaram dados das autoridades inglesas para examinar o impacto do maior acesso à pílula do dia seguinte por parte dos adolescentes britânicos.

‘Hannah Montana’ destruiu “família Cyrus”, diz pai de atriz.


O pai da estrela  adolescente Miley Cyrus disse que o programa de TV Hannah Montana, que fez de sua filha um ídolo mundial, na verdade destruiu sua família e fez com que a garota saísse de controle.
O cantor country Billy Ray Cyrus afirmou temer por Miley, de 18 anos, após uma série de escândalos, inclusive um vídeo do ano passado em que ela aparecia alterada depois de fumar sálvia. Ele preferia que Miley nunca tivesse encarnado a personagem Hannah Montana.
“Esse maldito programa destruiu a minha família”, disse Cyrus à edição de março da revista GQ. “Eu voltaria atrás em um segundo. Para que minha família estivesse aqui e todo mundo estivesse bem, seguro, são, feliz e normal, seria fantástico. Eu apagaria tudo isso em um segundo se pudesse.”
Cyrus, de 49 anos, interpretava o pai da menina no programa da Disney, sobre uma adolescente normal que à noite se tornava uma estrela da música. O programa foi lançado em 2006 e ficou quatro temporadas no ar, até janeiro de 2011.
Em outubro do ano passado, Cyrus pediu o divórcio da sua mulher, Tish, com quem passou 17 anos casado.
Ele comparou a atual situação da sua filha a celebridades como Kurt Cobain, Anna Nicole Smith e Michael Jackson, todos eles mortos em circunstâncias trágicas.
“Estou assustado por ela”, disse Cyrus. “Ela tem ao seu redor muita gente colocando-a em bastante perigo. Sei que ela tem 18 anos, mas ainda sinto, como seu pai, que eu gostaria de tentar ajudá-la. Cuidar dela só um pouquinho, pelo menos para tirá-la do perigo.”
“Eu quero que ela fique abrigada da tempestade. Pare a insanidade por um minuto”.
Fonte: Padon

Anthony Hopkins fala sobre seu encontro com Deus na CNN.


Anthony Hopkins, ator americano conhecido pelo seu desempenho como o assassino canibal Hannibal Lecter, esteve no programa de Piers Morgan, da CNN, para falar sobre sua carreira e sobre o dia em que decidiu acreditar em Deus.
Em um determinado momento do programa a apresentadora perguntou, “Você acredita em Deus?” E Hopkins respondeu: “Sim, eu creio. Eu creio”. O ator explicou que cerca de 35 anos atrás, ele sentiu a necessidade de Deus, enquanto estava passando por uma crise e orava a Ele mesmo que nessa época se considerasse ateu.

Justin Bieber afirma ser CONTRA aborto em entrevista, embora seja a favor do sexo “com amor” antes do matrimônio.


A edição de março da revista americana “Rolling Stone” traz o astro teen Justin Bieber na capa, exibindo o novo visual, com o cabelo repicado e sem a tão famosa franja.
Na entrevista, Bieber falou um pouco sobre sexo e política. O cantor revelou que para ele o sexo deve ser feito com quem se está apaixonado, mas não é preciso esperar até o casamento. “”Eu não acho que você deveria fazer sexo com ninguém menos que você ama. Acho que você deve apenas aguardar a pessoa que você está … apaixonado”, diz ele.
Apontado como namorado da atriz da Disney, Selena Gomez, de 18 anos, Justin exibia em seu laptop uma foto dos dois, com um lindo pôr do sol ao fundo. Mas ele rapidamente fechou o computador ao perceber que a imagem reveladora estava a mostra.
Além de falar sobre sexo, Ele também declarou que é contra o aborto, mas prefere não opinar sobre casos de estupro, por exemplo. “Eu realmente não acredito no aborto, É como matar um bebê. Mas em casos de estupro, acho que é realmente triste, mas tudo acontece por uma razão. Eu nunca estive nessa situação, então eu não seria capaz de julgar isso”, resolveu.

Filhos tornam o casamento mais feliz, afirma pesquisa.




Isso é o que prova uma pesquisa feita por cientistas de Glasgow, no Reino Unido: O que deixa você feliz – pensar no sorriso do seu filho, passar horas brincando com ele ou vendo aquele DVD no sofá pela 10ª vez?
Pois uma pesquisa realizada em na Universidade de Glasgow, no Reino Unido, acaba de comprovar: casais que têm filhos são mais felizes. E quanto maior o número de filhos, maior é a satisfação.
O coordenador da pesquisa, Luis Angeles, acredita que o resultado é simples de entender: quando responderam sobre as coisas mais importantes de suas vidas, a maioria das pessoas casadas colocou os filhos no topo da lista. E a influência das crianças na satisfação dos pais está relacionada à maneira com que a família passa as horas de lazer e a satisfação da família com a vida social. Confirma-se o ensinamento de Deus e da Igreja:
“A tarefa  fundamental da família é o serviço à vida. É realizar, através da história, a bênção originária do Criador, transmitindo a imagem divina pela geração de homem a homem.  Fecundidade é o fruto e o sinal do amor conjugal, o testemunho vivo da plena doação recíproca dos esposos” (Familiaris Consortio, 28).
“O amor conjugal deve ser plenamente humano, exclusivo e aberto à nova vida” (GS, 50; HV, 11; FC, 29).

Nota da CNBB sobre ética e programas de TV.



Têm chegado à CNBB diversos pedidos de uma manifestação a respeito do baixo nível moral que se verifica em alguns programas das emissoras de televisão, particularmente naqueles denominados Reality Shows, que têm o lucro como seu principal objetivo.
Nós, bispos do Conselho Episcopal Pastoral (CONSEP), reunidos em Brasília, de 15 a 17 de fevereiro de 2011, compreendendo a gravidade do problema e em atenção a esses pedidos, acolhendo o clamor de pessoas, famílias e organizações, vimos nos manifestar a respeito.
Destacamos primeiramente o papel desempenhado pela TV em nosso País e os importantes serviços por ela prestados à Sociedade. Nesse sentido, muitos programas têm sido objeto de reconhecimento explícito por parte da Igreja com a concessão do Prêmio Clara de Assis para a Televisão, atribuído anualmente.
Lamentamos, entretanto, que esses serviços, prestados com apurada qualidade técnica e inegável valor cultural e moral, sejam ofuscados por alguns programas, entre os quais os chamados reality shows, que atentam contra a dignidade de pessoa humana, tanto de seus participantes, fascinados por um prêmio em dinheiro ou por fugaz celebridade, quanto do público receptor que é a família brasileira.

“Levante” dos teólogos alemães defende reforma que esvaziaria Igreja de sua essência.


O levante dos teólogos é uma rebelião no lar de idosos. Agora é a hora, principalmente, de os bispos alemães se manifestarem. O papa está ciente de que os maiores ataques contra a igreja vêm da própria igreja”, afirma  Peter Seewald, autor do livro ”Luz do Mundo”, em entrevista publicada pela agência austríaca kath.net, 08-02-2011. A tradução é de Luiz Marcos Sander.
Eis a entrevista.
Sr. Seewald, qual é sua opinião sobre a discussão a respeito do celibato e o memorando dos teólogos?
Nós todos estamos em busca do caminho certo. A igreja não pode ficar como está. O que está em pauta é uma purificação, um renascimento dos valores, um perfil mais nítido, o posicionamento da igreja na modernidade – em última análise, a tarefa de tornar a proposta do cristianismo mais clara nesta situação dramática e, assim, salvar pessoas.
O memorando, entretanto, vai na outra direção. Por quê?
O que está ocorrendo aqui é uma ação concertada de forças neoliberais, que estão forçando uma reforma que privaria a Igreja Católica de sua essência e, por conseguinte, de seu espírito e sua força. No final, então, teríamos uma igreja de todo mundo, na qual o critério de todas as coisas não é Deus, não é o evangelho, mas sim o membro de comunidade autônomo, dirigido pelos sumos sacerdotes do espírito da época. Como dissePaulo: “Virá tempo em que alguns não suportarão a sã doutrina; pelo contrário, segundo seus próprios desejos, como que sentindo comichão nos ouvidos, se rodearão de [novos] mestres. Desviarão os ouvidos da verdade, orientando-os para as fábulas” (2Tm 4,3).
Os responsáveis pelo memorando dizem que atingiram um ponto sensível com ele…

terça-feira, 15 de fevereiro de 2011

Devemos andar nesta terra em Santidade!

tirado do Blog: somosestrangeirosaquinaterra.blogspot.com
Por Cássio José
Membro da Renovação Carismática Católica de Camocim
Grupo de Oração: Renascer
Ministério: Pregação

Certamente alguém deve está pensando que essa frase foi retirada da canção do novo CD do Ministério Adoração e Vida de nome: Em santidade, título também do CD! E foi isso mesmo. A inspiração do tema parte daí. Entretanto, essa verdade musicalmente cantada é uma ordem bíblica e vocação de todo cristão: Nascemos para ser santos e o somos quando fomos batizados porque recebemos naquele evento religioso e espiritual Aquele que nos santifica: O Espírito Santo!
Em um mundo tão hostil e rebelde para com Deus, ainda mais nesta geração tão impura e imunda, onde levantam-se mais e mais pessoas para defender o satanismo moderno e aplicado de muitas formas das mais variadas e que trata os filhos de Deus com injustiça e de forma subumana, não pode haver omissão da Igreja de Deus na pregação de santidade. Olha o que nos diz a Palavra de Deus:
Sede santos porque eu, o Senhor vosso Deus, sou santo”. (Levítico 19,2)

Essa Palavra deveria ser vivenciada por todos os cristãos custe o que custar! Deveria ser motivo de nossa existência porque o nosso Deus é Santo, Santo, Santo e nós, seus filhos deveríamos imitá-Lo em tudo também sendo santo, santo, santo; mesmo que incompreendidos por este mundo e taxados de loucos ou fanáticos.
Quando Deus cria o homem e a mulher, Ele o cria em estado de santidade e graça original. E os faz ter estado de perfeição e santidade para com Deus, afirma a Doutrina da Igreja. Todavia, com o episódio da entrada do pecado do mundo (Gn 3), parece ser agora impossível ser santo nesta geração, bem como sempre foi em todos os tempos. Mas a Bíblia nos dia que o nosso Deus faz acontecer o impossível (Lc 1,37).
Não podemos ser iguais aos mundanos. Não devemos jamais imitá-los! Não podemos envergonhar e entristecer Aquele que derramou sangue puro e sem mancha e mais precioso do que a prata e o ouro (I Pd 1, 18-19) para nos justificar dos nossos pecados e nos dar gratuitamente a salvação. Deveríamos ter orgulho em ser o oposto do que o mundo é ao sermos crucificados por todos os que não entendem esse mistério de homens e mulheres que são apaixonados pelo seu Deus!
Não afirmo isso com orgulho nem com egoísmo. Satanás está levantando homens e mulheres que, além de acharem tudo normal e sem problema, sejam rebeldes para com Deus, através de seu proceder. A cultura atual e as filosofias pregadas pela mídia dos tempos modernos, mais do que nunca, conseguem implantar nesta terra homens e mulheres que foram mordaçados pelo ateísmo e relativismo religioso, provocando um afastamento do homem para com Deus acirradamente e uma humanidade capaz de zombar de sua Igreja categoricamente.
     Não é hora de voltar atrás quanto ao que ouvimos como verdade de fé. Somos os servos dos últimos tempos e os santos da atualidade que habitarão os céus. É isso mesmo: Somos os santos que habitarão os céus! E isso é revelação bíblica: Hb 12,14.
Chega de católicos desmantelados na fé. Digamos não ao pecado. Renunciemos a todas as festas, embora que os que estejam nos altares das igrejas digam o contrário, e troquemos as novelas por terços rezados e leituras bíblicas estudadas. Vamos ler a Palavra de Deus. Se os mundanos levantam a tampa de seus carros e colocam músicas imundas, façamos o contrário: Andemos com as tampas dos nossos carros colocando músicas da igreja para evangelizar os que jazem nas trevas. Vamos revolucionar a cultura de hoje! Se estão oferecendo bebidas aos jovens, ofereçamos sem medo e com intrepidez, a bebida do céu: O Batismo com Espírito Santo! Eu quero ser embriagado com este bebida. Dela sim eu quero ficar bêbado e embriagado!
As pessoas estão murmurando por todas as coisas e muitas vezes não percebem que a maldição chega a suas vidas por causa disso (Tg 3,9)! Não sejamos iguais aos israelitas ingratos que foram tão bem cuidados por Deus e a única coisa que faziam era murmurar (Js 5,6). Troquemos as nossas palavras e expressões de reclamação e murmuração (expressões de derrotados e não de filhos de Deus!) por “Glória a Deus!” e “Amém Jesus!” (expressões de santos nesta terra que sabem que habitarão os céus).  Tudo deve ser para a Glória de Deus (I Cor 10,31). E se as lágrimas descerem que desçam para serem enxugadas pelo Senhor (Sl 30,6; Mt 5,3; Ap 21,4) e não por ser desespero!
Deixa Deus mudar a tua vida e dê espaço para o Espírito Santo seja o Dono do teu existir (Mt 4,1; Lc 24, 49; At 1,8)! Ele é quem deve ministrar a nossa vida e não nós mesmos ou os nossos impulsos. O mundo deve se envergonhar quando olhar para nós, santos de Deus nesta terra imunda!
Devemos ser como que pessoas que estão apaixonadas pelo Senhor. Esse amor entre nós e o Senhor, entre o Senhor e nós é a tocha que alimenta o nosso desejo em servi-lo com santidade e fidelidade. Quando os servos de Deus estiverem essa consciência e odiarem este mundo (Rm 12,2), então saberão discernir o que é vontade de Deus, o que é bom e o que lhe é agradável e perfeito.

A Infestação maligna pessoal

O caminho do cristão é marcado pela bênção, e também é uma luta contra o diabo e seus anjos maus. “não é contra homens de carne e sangue que temos de lutar, mas contra os principados e potestades, contra os príncipes deste mundo tenebroso, contra as forças espirituais do mal (espalhadas) nos ares.” (Ef 6,12) Não podemos ignorar esta batalha espiritual, e ao mesmo tempo é importante manter viva a certeza da vitória de Jesus sobre este nosso terrível inimigo: o demônio : “Eis por que o Filho de Deus se manifestou: para destruir as obras do demônio.” (1 Jo 3,8). Esta vitória aconteceu na cruz!
 A ação diabólica se desenvolve nos mais diferentes níveis:
-  tentação
 - infestação pessoal e local
 - e possessão
 Uma das ações extraordinários do demônio, e ao mesmo tempo, uma da mais comuns, que afeta ao homem e mulher, é infestação maligna pessoal. Esta ação diabólica é como um cerco, um assédio, pois vem de fora, prejudicando a saúde, afetando a imaginação, memória, os sentidos, causando alucinação, etc… A pessoa esta consciente, sente o mal estar, e tem o livre uso da vontade.
 Um dos exemplos de infestação maligna, mais freqüentes, são as doenças, às vezes desconhecidas e inexplicáveis, sob o ponto de vista médico. É o testemunho da libertação da mulher encurvada:“Estava Jesus ensinando na sinagoga em um sábado. Havia ali uma mulher que, havia dezoito anos, era possessa de um espírito que a detinha doente: andava curvada e não podia absolutamente erguer-se. Ao vê-la, Jesus a chamou e disse-lhe: Estás livre da tua doença. Impôs-lhe as mãos e no mesmo instante ela se endireitou, glorificando a Deus.” (Lc 13,10-13). O remédio espiritual aplicado por Jesus é:a oração de libertação: “Ao vê-la, Jesus a chamou e disse-lhe: Estás livre da tua doença. Impôs-lhe as mãos e no mesmo instante ela se endireitou, glorificando a Deus.” (Lc 13,12-13)
 A influência maligna pessoal não é de fácil discernimento, como por exemplo uma possessão, onde o demônio se manifesta de um modo claro. Por isso, é importante,  usar da autoridade de Jesus, e fazer a oração de libertação. É importante combater em duas frentes:
 - Receber a oração de alguém que tenha este ministério de libertação,
 - e também rezar individualmente nesta intenção.
 Os exorcistas também afirmam que pelo mau uso da vontade ou como efeito de algum malefício do ambiente ou pessoas,acontece a infestação maligna pessoal, levando a comportamentos estranhos, difíceis e violentos. Isso se manifestaria em certas pessoas de difícil relacionamento, algumas com distúrbios graves como a criminalidade, a rebeldia, a falta de respeito pelos semelhantes, a dependência do álcool ou drogas… O remédio também nestes casos é a oração de libertação, feita com a pessoa ou intercedendo por ela.
 Somado à terapia espiritual é necessáriodar alguns passos:
 Primeiro passo: entregar a vida a Jesus
 Segundo passo: oração pessoal
 Terceiro passo: vida sacramental (confissão e eucaristia)
 Quero agora convidar você a dar o primeiro passo convidando Jesus a entrar no seu coração:
 Senhor Jesus, Eu Te agradeço por ter morrido na cruz pelos meus pecados, aí foi derramado o Teu sangue precioso para me curar,
Eu abro as portas do meu coração e te convido a ser o meu Senhor e o meu Salvador,
 Assume agora a direção da minha vida. Amém.

Muitas pessoas bem intencionadas tem sido derrotadas diante da vida pela ignorância ou desprezo de certas verdades espirituais a respeito da ação do demônio. A possessão é algo raro, enquanto a infestação tanto de pessoas, como locais é muito comum. A infestação pode afetar a todos, quem não é cristão, cristãos comuns e até os mais fervorosos.
 Façamos juntos o sinal da cruz: Em nome do Pai….
 Coloque a mão na sua fronte para pedir a libertação de todos os pensamentos maus:
 Em nome de Jesus renova a minha mente
 Tira todos os pensamentos de malícia, maldade, impureza, tristeza, derrota…
 Forma em mim uma vontade decidida para reagir. Amém

Coloque a mão no coração para pedir a libertação de todas as emoções negativas:
 Jesus entra nas emoções negativas que tem me levado ao pessimismo, tristeza, desanimo diante da vida,
 E dá agora uma nova força para viver.
 Eu repreendo toda e qualquer influência maligna que por ventura esta causado os  males que estão me atormetando.
 Jesus liberta- me da doença que tem como causa a influência maligna. Amém.

No coração não duvide. Não fique somente com esta oração. Continue a terapia espiritual. Se a muito tempo não se confessava, confesse. Mantenha a disciplina da oração diária, inclua o santo terço. Não falte a santa missa dominical.
 Oração de libertação
 Eis aqui a † Cruz de nosso Senhor Jesus Cristo, que garante a salvação e a vida eterna,
 a † Santa Cruz que derrota todos os espíritos malignos.
 † Retira-te de nós, habitante das trevas, oposto aos desígnios do Deus Altíssimo.
 † Afasta-te, não importa o mal que tenhas trazido aqui: bruxaria, feitiçaria, malefícios,
 magia negra, maldições familiares, mal oculto, amarrações.
 Sob o comando de São Miguel Arcanjo, que te precipitou nos infernos,
 assim te ordenamos, espírito maligno, inimigo do gênero humano, que não voltes mais a fazer mal a nós aqui presentes. Amém.

Eventos paralelos ajudam os jovens a se prepararem para a JMJ 2011

A Jornada Mundial da Juventude, que acontece em Madri entre os dias 16 e 21 de agosto deste ano, não está restrita apenas às atividades programadas para a cidade espanhola. Uma série de outros eventos estão sendo elaborados para envolver a juventude com o objetivo de se prepararem espiritualmente para este grande encontro com o Papa Bento XVI.
Uma destas atividades está sendo organizada pelos Jesuítas. O nome do programa é "Magis" (em latim: mais). Este programa pretende reunir cerca de 3 mil jovens com idades entre 18 e 30 anos provenientes de mais de 50 países.
No primeiro final de semana de agosto (6 e 7) a cidade de Loiola - norte da Espanha - sediará a Feira das Nações, uma grande oportunidade de todos os participantes da JMJ se conhecerem além de trocar experiências sobre o trabalho religioso em seus países de origem.
Os jovens ainda terão a oportunidade de participar de um musical do qual estarão presentes representantes da música católica mundial. Ao final deste encontro, o padre Adolfo Nicolàs, responsável mundial dos Jesuítas, presidirá uma celebração eucarística.

CNBB lança concurso para música do hino da CF 2012



A Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) está lançando o concurso para a música do Hino da Campanha da Fraternidade de 2012. O prazo para o envio das composições à CNBB é até o dia 15 de maio. A primeira etapa foi concluída em 1º de fevereiro, com a escolha da letra.
"A CNBB agradece a todos os que participaram do concurso da letra e solicita a colaboração dos compositores para a criação de uma música fluente e bela para o hino da CF 2012", afirmou o assessor da CNBB para a Música Litúrgica, padre José Carlos Sala.
A CF de 2012 tem como tema: "Fraternidade e saúde pública", e lema: "Que a saúde se difunda sobre a terra!" (Cf. Eclo, 38,8).
O objetivo geral da Campanha da Fraternidade 2012 é promover ampla discussão sobre a realidade da saúde no Brasil e das políticas públicas da área, para contribuir na qualificação, no fortalecimento e na consolidação do Sistema Único de Saúde (SUS), em vista da melhoria da qualidade dos serviços, do acesso e da vida da população.

Concurso Cartaz

As inscrições para o concurso do cartaz continuam abertas até o dia 03 de junho.
Comunicadores, Agentes da PASCOM, Designers, Agentes da Campanha da Fraternidade nos estados, ou qualquer pessoa interessada está convidada a criar e enviar para a sede da CNBB, em Brasília, seu trabalho gráfico.
No cartaz deverá conter uma imagem ou arte que represente o lema da CF 2012, além dos seguintes textos: "Campanha da Fraternidade 2012"; "Fraternidade e saúde pública" e "Que a saúde se difunda sobre a terra (Cf. Eclo, 38,8).
Mais informações sobre a Campanha da Fraternidade estão disponíveis no site da CNBB (www.cnbb.org.br).

Fonte: CNBB

segunda-feira, 14 de fevereiro de 2011

Justin Bieber lança filme que fala de oração e fé.

O cantor Justin Bieber, 16 anos, e uma das grandes sensações da musica internacional está lançando no Brasil pela Paramount Filmes, um documentário intitulado “Justin Bieber: Never Say Never”.
No filme, Bieber é apresentado orando e dando graças antes dos shows e das refeições, além de outras expressões de sua fé cristã. Há ainda um depoimento de sua mãe Pattie Mallette, no qual ela fala como a fé ajudou a estabilizar a sua vida como mãe solteira de um adolescente.
O documentário vem acompanhado de “guia de recursos espirituais” para aqueles que estão interessados. O guia inclui versículos bíblicos relacionados ao filme que pode ser usado em pequenos grupos.
“O filme é uma oportunidade para ensinar nossas crianças sobre o poder da esperança, a oração, fé e família”, diz o guia.
Em uma entrevista em novembro à Associated Press, o cantor contou como a fé cristã o manteve com os pés no chão convivendo em Hollywood.

Vaticano divulga aumento de 1,4% no número de sacerdotes em todo o mundo.


A nova edição do Anuário Estatístico da Igreja católica revela um aumento de 1,4% no número de padres em todo o mundo entre 1999 e 2009, adiantou hoje o Vaticano.
O volume, que vai ser apresentado nos próximos dias, elenca 410 mil sacerdotes, dos quais mais de 275 mil diocesanos e cerca de 135 mil de ordens e congregações religiosas. Pela primeira vez desde 1999 o número de ordenações supera o de falecimentos e abandonos.
Segundo os dados fornecidos esta sexta-feira pela Rádio Vaticano, o número de padres ordenados em 2009 ultrapassou o dos sacerdotes que faleceram ou abandonaram este ministério, situação que não acontecia desde 1999. Na Europa, contudo, o número de mortes continua a ultrapassar o das ordenações sacerdotais.
O novo Anuário Estatístico da Igreja  mostra que o número de padres e de católicos aumenta na África, Ásia e América Latina, caindo na Europa e América do Norte.
A Agência Ecclesia recorda também que o «Annuarium Statisticum Ecclesiae 2009» é redigido pelo departamento central de estatística da Igreja e publicado pela Livraria Editora Vaticana.

Em defesa da inocência infantil mãe católica foi presa na Alemanha.


Paulo Roberto Campos
Um amigo traduziu do alemão e enviou-me recente notícia sobre uma admirável mãe de 12 filhos que foi encarcerada na Alemanha por defender a inocência de suas crianças.
Seu “crime”? Pasmem! Ela não permitiu que algumas delas assistissem aulas com perversão sexual na escola.Eu não acreditaria se não conferisse a própria notícia, datada de 9-2-11. Trata-se de um muito conceituado órgão de divulgação no mundo germânico: “Katholisches” — uma revista digital independente para assuntos da Igreja e da Cultura, que informa sobre acontecimentos na Igreja e analisa fatos políticos e sociais sob o ponto de vista católico. Quem desejar conferir, abaixo segue a traduçã e  o link: www.katholisches.info

DEUS É FIEL

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

VISITANTE N°